Brasil tinha o direito de votar em Lula em 2018, diz jurista Luciana Boiteux

De acordo com a professora da Faculdade Nacional de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) Luciana Boiteux, a principal lição que se pode tirar da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), que considerou o então juiz Sergio Moro parcial em relação ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, é que “os fins não justificam os meios”. Sob o pretexto de combater a corrupção, juízes não podem cometer violações da ordem constitucional e jurídica. Em entrevista à Rádio Brasil Atual, ela destacou que as decisões do Supremo apontam que abusos cometidos por Moro na Lava Jato causaram danos não apenas ao ex-presidente, mas também ao país.

Assista ao vídeo.

#LulaInocente
#Lula2022
#JornalBrasilAtual

🔔 Inscreva-se, ative o “sininho” e receba os conteúdos da TVT 📱 Fortaleça a TVT. Seja membro do nosso canal! Veja como: https://bit.ly/2VT0hI0

You May Also Like